Home » Blog

Rede social de geolocalização: onde você está?

25 novembro 2011 Nenhum comentário

Atualmente, as empresas norte-americanas estão utilizando as redes sociais de geolocalização para promover ações publicitárias, premiar e fidelizar clientes novos e antigos. No Brasil, apenas uma pequena parcela das empresas já usam Foursquare, Facebook Places e Google Latitude.

As redes sociais de geolocalização trabalham para que os usuários façam o check-in e compartilhem com seus amigos, de maneira rápida e prática, os lugares onde estão no momento, as promoções e também eventos que estão acontecendo em determinado local. Essas redes sociais que funcionam pelo sistema GPS (Global Positioning System) podem ser acessadas via computador ou dispositivo móvel com acesso à internet.

O Foursquare é a rede social de geolocalização com mais perfis cadastrados no mundo. Esses usuários podem fazer check-in nos locais que visitam e quanto mais check-ins fizerem, mais chances têm de ganharem badges, recompensas dadas por ser um frequentador assíduo que atinge metas pré-estabelecidas pelo site geolocalizador. Além disso, usuários que tiverem mais check-ins em determinados locais podem tornar-se prefeitos, espécie de dono virtual dos locais registrados na rede.

Uma outra funcionalidade que as redes sociais de geolocalização também proporcionam são as dicas que os usuários podem sugerir aos frequentadores de estabelecimentos cadastrados. Por exemplo, em um bar quando o cliente fizer o check-in aparecerá a dica de um outro cliente: “Não deixe de experimentar determinado drinque”. Esse tipo de ação faz com que os clientes experimentem produtos que agradaram a outros e se fidelizem à rede, bem como com ao local cadastrado.

Outro recurso oferecido por essas redes é a procura por estabelecimentos próximos à sua localização. Como exemplo, uma pessoa quer comer comida mineira, então coloca essa tag na busca e a rede mostra os restaurantes mineiros próximos ao local onde a pessoa está.

Em fevereiro de 2009, o Google entrou nessa e lançou o Latitude, rede social de geolocalização em que você pode encontrar locais e amigos próximos a você através do Google Maps. E em agosto de 2010, para não ficar para trás, o Facebook lançou o Places, rede de geolocalização que é integrado à sua rede social e também permite que os usuários postem na rede onde estão de forma prática e ágil. Além disso, os usuários do Facebook Places podem marcar os locais e as pessoas com quem estavam em algum post ou foto.

No momento, mesmo com poucas empresas do Brasil aproveitando os benefícios dessa ferramenta, existe uma tendência dos usuários na internet aderirem ao uso das redes sociais de geolocalização. Para citar alguns exemplos, as companhias devem investir em badges especiais, relacionar sua marca a eventos em locais registrados e premiar prefeitos. Assim, essas companhias conseguem fidelizar clientes e garantem uma publicidade gratuita quando os clientes fizerem check-in.

Compartilhe:

Deixe seu comentário!

Blog
Twitter
Especialidades
WordPress
Google AdWords